O que é o método Brainspotting?

Entenda mais sobre o assunto

O Brainspotting (BSP) é um modelo de psicoterapia relacional baseado no cérebro e no corpo, que apresenta uma visão fenomenológica, concebido para adaptação a qualquer abordagem. Baseia-se no reprocessamento cerebral, usado por milhares de psicoterapeutas em todos o mundo, cujo protocolo estruturado permite o uso do campo de visão para encontrar onde o trauma se localiza no cérebro. Durante uma sessão, o psicoterapeuta com formação em Brainspotting pode ajudar o cliente a acessar pontos que armazenam registros disfuncionais e experiências traumáticas a partir da posição ocular do cliente, relacionada a um conjunto de reflexos e sensações corporais conscientes. Então, após a localização e ativação desses pontos cerebrais, que contém memórias de traumas é que ocorre o reprocessamento desses eventos, em alinhamento vertical, de baixo para cima. Ou seja, do subcórtex, cérebro instintivo, para o córtex, até o neocórtex, restabelecendo a conexão que se dissocia com o trauma. O método Brainspotting trabalha com sintonia dual: relacional e neurobiológica.

A metodologia BSP é uma promissora abordagem psicoterápica, que tem por base os novos conceitos das neurociências e da neurobiologia. Tem ganhado destaque dentre as ferramentas da atualidade, na era das pspsicoterpaias Brain-Baseds, sendo eficaz na autorregulação do cérebro para tratamento de traumas, fobias, depressão, ansiedade e uma série de transtornos, atingindo resultados crescentes e precisos. Foi criada pelo renomado estudioso em traumas, Ph.D. David Grand, dos EUA.

O psicólogo faz uso do Brainspotting como método psicoterapêutico para reprocessamentos de traumas no sistema cerebral límbico e mesencéfalo, onde se localizam os processos inconscientes. Trata-se de uma técnica que possibilita o acesso às memórias do passado, que geram sintomas decorrentes de vivências traumáticas. É uma técnica eficaz para o estímulo do cérebro do cliente recuperar a autonomia e manter o equilíbrio.

O método BSP permite uso de uma visão fenomenológica. É quando o psicoterapeuta observa sem julgamentos, sem supor nada. Um dos princípios básicos do BSP é o da Incerteza, o que remete ao preceito socrático: “só sei que nada sei”. Numa sessão com o cliente, ele é quem detém todo o saber sobre si mesmo. Ao considerar a sabedoria cérebro-corpo do cliente, nem sempre explicar ajuda, mas estar junto e com atenção plena é o essencial.

A Psicoterapia Brainspotting foi abordada com excelência no livro “Pessoas & Psicologias” (2018), organização geral do psicólogo Jair Donato, publicação da Umanos Editora (Cuiabá/MT), disponível neste site, no link “livros”).

O lema do Brainspotting é: “Para onde você olha, afeta o que você sente”.

Quer falar comigo?

Posso te ajudar com atendimento em psicoterapia, palestra, T&D ou consultoria? Clique no botão ao lado para falar comigo.

© 2021. Todos os direitos reservados.

Criado por Henrique Rolim